Blog do aguaeflor.com

Terapias Naturais e Holismo

Fluindo naturalmente com Rock Water

Rock Water – a essência da flexibilidade

No estado positivo despertado pelo Floral Rock Water, conseguimos perceber melhor e admitir as nossas necessidades vitais. Podemos produzir mais, sem forçar a um objetivo idealizado que não condiz com a realidade, alcançando uma conduta natural e fluídica com relação ao ambiente.

Sua origem á a água proveniente de fontes naturais em áreas não tocadas pela civilização, ou seja, água de memória pura, atributos originais, sem influências. Circundam as rochas rígidas do percurso e seguem tranquilamente com seu fluxo. Por isso esse floral se relaciona com as qualidades interiores de adaptabilidade, naturalidade e liberdade interior.

Precisamos de Rock Water quando nos percebemos presos à ideias teóricas rígidas que nos impedem de viver e relacionar naturalmente, com elevados ideais espirituais, diretrizes morais e conceitos perfeccionistas de saúde, negando a nós mesmos muitas coisas que tornam a vida de cada dia agradável e divertida, na crença de que elas não se coadunam com a visão rígida e, muita vez, positivamente ascética, da vida.

copy-copy-copy-folha

A descrição de Dr. Bach:pedra dágua

Para aqueles que são muito rígidos em sua maneira de viver. Negam a si mesmos muitas alegrias e prazeres da vida, pois consideram que podem interferir em seu trabalho.São mestres inflexíveis para si mesmos. Desejam estar bem, fortes e ativos e farão de tudo que acreditam para se manterem assim. Esperam ser exemplos para os outros, que devem , por isso, seguir suas ideias e, como resultado, ficarem melhores.

copy-copy-copy-folha

Por Mechthild Scheffer:

As pessoas do tipo Rock Water querem sempre estar na melhor forma, tanto mental quanto física, e seguirão com entusiasmo todo o curso que puder leva-los a esse resultados e ainda espera que os demais adotem suas ideias, de modo que estes também encontrem “o caminho certo”.

Muitas pessoas do tipo Rock Water querem ser santos enquanto ainda estão na terra. Estabelecerão para si mesmos padrões de princípios elevados, sobretuto os que são, de certo modo, tangíveis e podem ser eliminados. Passarão, por exemplo, horas do dia praticando exercícios de ioga, aderirão rigorosamente a princípios macrobióticos, ou farão orações rituais específicas onde quer que estejam.

Suas teorias e ideias extremamente ambiciosas caracterizam-se amiúde por derivar de tradições antigas, que realizaram grandes coisas em seu tempo e em seu lugar, mas que, já não sendo compatíveis com o século XX, são, portanto, difíceis de por em obra. As pessoas no estado negativo de Rock Water, não se dão conta disso e torturam-se com censuras dirigidas a si mesmos quando as exigências da monótona vida quotidiana lhes tornam impossível cumprir a sua quota diária de treinamento. Isto naturalmente, lhes prejudicará mais o desenvolvimento do que horas de respiração, oração, meditação, etc., seriam capazes de contrabalançar.

Há um mal entendimento que os leva a uma  voluntariedade excessiva e um enfoque material errado. A personalidade deseja forçar o desenvolvimento espiritual, egoisticamente, confundindo o efeito externo com a causa interna. Não percebe que o efeito externo, como seria, por exemplo uma mudança no estilo de vida, surgirá por si, depois que se oferecerem as condições interiores para isso. Esqueceu que certas formas de vida são a consequência e não a causa, do crescimento espiritual.

Ao querer por em execução mudanças externas que contrariam o propósito íntimo da alma, a personalidade luta com o Eu Superior, em vez de deixar-se guiar por ele. Mais do que tudo, deixa de compreender que não conseguirá o domínio de si mesma, tentando concentrar-se em si, senão, pelo contrário, esquecendo-se no serviço de outros.

As pessoas no estado negativo de Rock Water precisam ser estimuladas a encarar a sua verdadeira personalidade frente a frente, cientes de que ninguém é perfeito e renunciar a teorias impraticáveis na nossa realidade.

Sintomas chave

Para os que são duros consigo mesmos, têm opiniões rigorosas e rígidas; necessidades internas suprimidas.

Sintomas devido ao bloqueio de energia

  • Grande perfeccionista
  • Submete a vida a teorias dogmáticas e as vezes a ideias exagerados.
  • Nega-se a si mesmo muita coisa, na crença de que não é compatível com seu conceito de vida; perde muito do prazer da vida.
  • Duro consigo mesmo,; faz quando lhe é possível para atingir a melhor forma e permanecer nela, autodisciplina.
  • Estabeleceu os padrões mais elevados para si e obriga-se, quase a ponto de chegar ao abandono de si próprio, a viver de acordo com eles.
  • Não se dá conta das compulsões sob as quais vive.
  • Tem um conceito errado de espiritualidade: agarra-se a determinado aspecto acessível – técnica de meditação, dieta especial, etc.) e faz dele uma vaca sagrada.
  • Acredita que os desejos mundanos inibem o desenvolvimento espiritual, deseja ser santo enquanto está na terra.
  • Suprime necessidades físicas e emocionais importantes, nega-se a si próprio.
  • Cai na própria armadilha quando medita , porque “quer” em demasia.
  • Não interfere na vida dos outros, pois está inteiramente preocupado com a perfeição pessoal.
  • Recrimina-se quando se vê incapaz de manter a disciplina imposta a si mesmo.
  • Suas necessidades físicas não estão bem integradas: mulheres frequentemente tem dismenorreia.
  • Muita tensão no corpo físico – especialmente nos músculos e juntas.

Transformação potencial posterior

  • Idealista de mente aberta; capaz de abrir mão de teorias e princípios, se se vir confrontado com novas introspecções e verdades mais profundas.
  • Não se permite ser influenciado por outros, sabendo que as introspecções certas deverão ser encontradas dentro de si mesmo, no momento certo.
  • Capaz de trazer à fruição grandes ideais.
  • A alegria na vida e a paz interior fazem dele um exemplo natural para os outros.

Medidas de apoio

  • Não se agarre – em nenhum sentido.
  • Permita a si mesmo gozar de mais prazeres e divertimentos comuns.
  • Pratique o exercício de tornar mais clara a distinção entre a teoria e a prática; não subscreva irrestritamente as teorias dos outros, mas julgue por si o que é bom e o que não é.
  • Faça exercícios físicos sem impor regras rígidas

Afirmações positivas para praticar

  • Estou aberto a novas percepções intuitivas e experiências.
  • Dou a todos os aspectos de minha vida o que lhes é devido
  • Deixo as coisas acontecerem.
Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 12/05/2014 por em Florais de Bach.
%d blogueiros gostam disto: